sexta-feira, 8 de maio de 2009

Até já Avó


Querida Avó,


Uma lágrima teima em cair...

Partiste tão depressa...

Nem me despedi de ti!

Desculpa...


Sabes o que nunca vou esquecer?

As minhas longas férias de verão

Os 3 quentes meses que passava contigo

E que mais do que uma Avó,

Eras uma Mãe...


Sabes o que nunca vou esquecer?

A tua força, o teu carinho

O nunca desistires quando havia dificuldades,

A palavra que te saía docemente

Sempre que eu precisava...


Obrigada Avó,

por.... por tudo,

mesmo por tudo!!!


Um beijo doce e um até já da neta que nunca te esquecerá





7 comentários:

Inside Me disse...

oieeeeeeeeeeeeeeeeeeee, como vai vc? bjão

NMS disse...

A lágrima cai mesmo. Despropositadamente, porque nunca uma Avó nos deixa. Nem a madrugada que mudou tudo pode levar para longe uma Avó.
Beijinho à Neta,
Neto

Fernando Rodrigues disse...

As saudades e a amizade ficam sempre, imagino a tua dor, um beijo ternurento.
Fernando

Nuno de Sousa disse...

os meus sentimentos :-(, saudades de quem vê partir... dias tristes mas uma coisa te digo teu avó esteja onde estiver te adora pois és uma pessoa maravilhosa e acredita que esteja onde estiver te vai proteger e estar de olho em ti...
Força e bjs ternos em ti,
Nuno

pin gente disse...

também a minha avó é para mim um marco. felizmente tenho-a! u
m dia as tuas palavras serão as minhas. achei-as plenas de ternura.
um beijo
luísa

Maria disse...

A dor é proporcional ao amor que se viveu. Meu carinho. Força, querida.

Nuno de Sousa disse...

Mas que bela homenagem a uma Avó que ficará sempre no coração, gostei do que aqui colocaste... mto belo e onde ela estiver está feliz pela neta que tem... uma princesa.
Bjs
Nuno